Giro UOL: anistia adiada, mais verba a parlamentares e a volta de Ceni

Conteúdo Recomendado

Giro UOL
Moderninha
 
Veja a seleção de notícias que o UOL fez para você nesta noite - 24/11
Anistia adiada
Pedro Ladeira/Folhapress
A Câmara dos Deputados adiou a votação para alterar a legislação e anistiar a prática de caixa 2 eleitoral. O tema é de interesse de políticos alvos da Operação Lava Jato.

A anistia seria inserida no pacote de medidas contra a corrupção apresentado pelo Ministério Público em março. O pacote foi aprovado no fim da noite de ontem. Com a falta de consenso, não ficou determinado um novo prazo para que os temas sejam votados no plenário. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Menor mortalidade
Shutterstock
A mortalidade de crianças até um ano de idade atingiu o menor nível dos últimos 41 anos. Em 2015, a morte de bebês representou 2,5% do total de óbitos no país. Dez anos antes, em 2005, o índice era de 4%. Em 1974, o número chegava a 28%.

Os dados fazem parte do relatório divulgado pelo IBGE. Segundo a entidade, o resultado se deve ao aumento da escolaridade feminina, à elevação de domicílios com saneamento básico adequado e o maior acesso da população aos serviços de saúde. A queda da mortalidade infantil é um importante indicador de desenvolvimento social de um país. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Crime contra o INSS
 Vinicius Ramalh Tupinamba/iStock
A Polícia Federal deflagrou a operação Compensação, que investiga grupo acusado de crimes contra o INSS no Distrito Federal. O prejuízo causado seria de R$ 37 milhões.

De acordo com a PF, a organização é composta por empresários, servidores públicos e um escritório de contabilidade. Os envolvidos podem ser indiciados por estelionato e falsidade ideológica. Leia mais
Compartilhar no   Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Ajuda de aliado
Reprodução/Facebook
Um projeto do deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) tenta reduzir o poder do Iphan para embargar obras no país. O instituto é ligado ao Ministério da Cultura e é responsável pela preservação do patrimônio histórico do país.

Leitão é aliado do ministro Geddel Vieira Lima, que foi acusado pelo ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero, de interferência política ao pressionar o Iphan para liberar a obra de um prédio em área tombada em Salvador. Geddel teria comprado um apartamento nesse imóvel. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Mais verba a parlamentares
Pedro Ladeira/Folhapress
Envolvido em uma crise política, o ministro Geddel Vieira Lima anunciou um aumento da verba destinada para emendas parlamentares.

O valor para cada emenda parlamentar individual a que tem direito senadores e deputados passou para R$ 440 mil, o que vai elevar o total anual de R$ 13,6 milhões para cada congressista. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Garotinho solto
Wilton Junior/Estadão Conteúdo
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revogou a prisão preventiva do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho. Se descumprir alguma das medidas cautelares, ele deve voltar ao regime prisional. Uma delas é o pagamento de uma fiança de R$ 88 mil.

Garotinho também não pode voltar a Campo dos Goytacazes até o julgamento e nem sair de casa por mais de três dias sem autorização judicial. Ele foi preso por suspeita de compra de votos em campanha eleitoral. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no   Twitter | Compartilhar no   Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Mercado financeiro
Shutterstock
A Bolsa fechou em queda de 0,95%, com 61.395,53 pontos. A queda de hoje foi influenciada, principalmente, pelo desempenho negativo das ações da Petrobras, da mineradora Vale e dos bancos.

No mercado de câmbio, o dólar fechou estável, cotado em R$ 3,394. O dia foi de poucos negócios por causa do feriado de Ação de Graças, que manteve os mercados financeiros fechados nos Estados Unidos. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no   Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Vagas fechadas
Letícia Moreira/Folhapress
O Brasil perdeu 74.748 postos de trabalho com carteira assinada em outubro. Foi o 19º mês seguido de fechamento de vagas. O número é maior do que o registrado em setembro, que teve 39.282 cortes de vagas. Os dados são do Caged e foram divulgados pelo Ministério do Trabalho.

Com isso, o Brasil acumula perda de 751,8 mil vagas de trabalho em 2016. O Estado que mais perdeu vagas com carteira assinada foi São Paulo, com 21.995 postos de trabalho a menos, seguido pelo Rio de Janeiro, com 20.563. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Novo acordo de paz
Luis Robayo/AFP
O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, e o chefe das Farc, Rodrigo Londoño, assinaram o novo acordo de paz, para acabar com 52 anos de conflito armado interno.

O acordo tem sido negociado pelo governo colombiano com as Farc há quatro anos, com reuniões em Cuba. Após várias rodadas, as duas partes chegaram a um consenso, mas esse primeiro acordo foi rejeitado pelos eleitores em um referendo realizado em outubro. Desta vez, vai haver apenas a ratificação pelo Congresso. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Fim de passagem
Pedro   Vilela/Getty Images
Após pouco mais de seis meses Marcelo Oliveira deixou o cargo de técnico no Atlético-MG. A decisão veio depois da derrota por 3 a 1 para o Grêmio, no Mineirão, na primeira partida da final da Copa do Brasil.

Em coletiva de imprensa, Oliveira se disse surpreso com a demissão. Ele também culpou o desempenho abaixo do esperado por causa das contusões sofridas no elenco. O técnico somou, em 42 jogos, 18 vitórias, 14 empates e dez derrotas. Diogo Giacomini, técnico das divisões de base, vai comandar o Atlético-MG nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro e na final da Copa do Brasil. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
A volta de Ceni
Eduardo   Anizelli / Folhapress
O São Paulo anunciou Rogério Ceni como o novo técnico do time. O ex-goleiro foi confirmado um dia depois do anúncio da demissão de Ricardo Gomes.

Ceni volta ao São Paulo um ano depois de se aposentar. O clube passou por dificuldades principalmente no segundo semestre e chegou a brigar contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
 
PATROCINADO POR:
Moderninha
 
Baixe o aplicativo UOL:   Apple Store Google Play
UOL Facebook Twitter Pinterest Instagram Snapchat: @uoloficial
Se deseja cancelar o recebimento da newsletter do Giro UOL, clique aqui.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge