Fome de Livros

Conteúdo Recomendado

Fome de Livros


Resenha - No Limite da Loucura

Posted: 22 Nov 2016 04:16 PM PST

Resenha feita pela Tay!
Título: No Limite da Loucura
Título Original: The Madness Underneath
Série: Sombras de Londres
2- No Limite da Loucura
3- The Shadow Cabinet (2015 US)
4- Sem título
Autor: Maureen Johnson
Editora: Fantástica (Rocco)
Páginas: 304
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Saraiva // Submarino 

Também conhecido como No Limite de Vários Nadas.

Essa resenha não contém spoilers de O Nome da Estrela.

SinopseUma das autoras mais queridas do público jovem na Inglaterra e nos EUA, e celebridade no Twitter, Maureen Johnson deixa sua protagonista Rory Devereaux No limite da loucura na eletrizante sequência de O nome da estrela. Depois de se envolver no misterioso caso do assassino em série que se fazia passar pelo lendário Jack, o Estripador, espalhando o medo pela capital britânica, a garota é enviada para a casa dos pais em Bristol. Mas ela não pensa duas vezes quando tem uma chance de retornar a Wexford e reencontrar os amigos. Sua volta a Londres, no entanto, revela mais sobre seus próprios poderes do que ela poderia supor e a põe no centro de uma nova – e sinistra – onda de crimes que vêm desafiando até mesmo a polícia secreta que combate os fantasmas na cidade. No segundo livro da trilogia Sombras de Londres, Rory Devereaux precisa enfrentar seus próprios medos e agir antes que seja tarde.

A Trama: Depois de todos os acontecimentos de O Nome da Estrela, Rory está em Bristol com os pais e tendo de aprender a lidar com sua nova condição (spoiler: de ser um terminal humano). O grande problema do livro é a enrolação criada pela autora. Você consegue perceber claramente que tudo o que ela escreveu em mais de metade da história é pura encheção de linguiça, porque não era necessário todo um livro para ela contar como Rory estava se sentindo em relação aos acontecimentos do primeiro volume. Em relação ao plot, não há exatamente um. O novo assassino aparece praticamente só no prólogo, e quase 200 páginas depois a autora vai inserir essa parte da história novamente. Também há outro plot que é apenas iniciado, mas que, honestamente, não foi interessante, principalmente por ser bem previsível. Nenhuma dessas duas tramas é concluída ou tem um bom desenvolvimento, mostrando que esse segundo livro existe apenas para dar volume à série (acredito que existirá um quarto livro). Todo ele poderia ser muito bem enxugado e juntado com o livro três, mais da metade das voltas e mais voltas que a autora dá não faria falta nenhuma.

A Protagonista: Gostei mais do senso de humor de Rory nesse livro, em algumas cenas eu cheguei até a rir alto, mas ela não evoluiu muito do primeiro volume. Ainda toma decisões estúpidas e age com uma infantilidade sem tamanho. É um pouco difícil gostar dela, mas também não é aquele personagem que você odeia,

Personagens Secundários: Vários dos personagens secundários foram pouco explorados, o que achei uma pena, porque eles são os pontos fortes do livro. Mesmo assim, ainda consegui me divertir com Bu e Callum, apesar de querer que Jazza tivesse tido mais presença. O mais utilizado na história com certeza foi Stephen, e eu até gosto dele, com seu jeito fechado, misterioso e protetor, ele consegue ser um personagem interessante. 

Capa, Diagramação e Escrita: Ainda estou meio confusa com a imagem dessa capa, mas acho que são escadas ou algo do tipo. Uma capa bem genérica. A diagramação está como no primeiro livro, bem bonita e simples. A escrita da autora é divertida e fluida, mas ela peca muito em toda a enrolação que faz, além de precisar melhor um pouco na inclusão dos personagens secundários e na evolução da protagonista.

Concluindo: Sabe quando você termina o segundo volume de uma série (ou qualquer outro volume depois do primeiro livro) e sente que esse livro não precisava existir? É exatamente como me senti durante e depois da leitura de No Limite da Loucura. Os plots iniciados são deixados no meio do caminho e o restante da história não precisava ser tão longa, porque só foi encheção de linguiça. O final foi um pouco previsível depois que certa coisa acontece, e eu não gostei muito da ideia que a autora teve, então não sei se darei uma chance para o próximo volume.

Classificação:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge