ebook home ebook library

Conteúdo Recomendado

ebook home ebook library


Blog Portão Azul

Posted: 27 Aug 2016 10:33 AM PDT

Blog Portão Azul


Minissérie | 5 coisas sobre "E Não Sobrou Nenhum"

Posted: 26 Aug 2016 11:05 AM PDT


       Atualmente estou entrando no mundo nas Minisséries. Acabei de assistir E Não Sobrou Nenhum e estou acompanhando Justiça pela TV, depois faço um post sobre essa também. Mas vamos ao que interessa: separei 5 coisas para compartilhar com vocês sobre essa minissérie que não é muito conhecida mas ao mesmo tempo é maravilhosa.

1) O LIVRO

      E Não Sobrou Nenhum (And Then There Were None no inglêsé baseado no livro de mesmo nome de Agatha Christie que é a autora mais renomada do gênero de suspense policial, não é atoa que é chamada de Rainha Do Crime, não é mesmo? Eu ainda não li esse livro, porém é o mais conhecido e tem a fama de ser o melhor dentre todos os milhões escritos por Agatha nesse mesmo gênero. Então se você já leu não pode deixar de assistir a série, é obrigatório.


2)  A HISTÓRIA

      A série trás a história de 8 pessoas que foram convidadas por um anfitrião desconhecido a comparecer a uma ilha, que possui apenas uma casa em toda sua extensão. Lá eles encontram apenas um casal de empregados que ficam sabendo de suas obrigações por meio de cartas e nada do tal anfitrião aparecer. Aos poucos os hospedes começam a morrer de formas diferentes e todas baseadas no mesmo poema pregado em praticamente todos os cômodos da casa. O mistério e o medo está instalado e dessa forma as pessoas que vão restando ficam com a responsabilidade de descobrir quem  é o real assassino. Será que é um dos dez dentro da casa? Ou tem mais alguém desconhecido na ilha?

3) O ELENCO

       Os atores são bem conhecidos, com certeza você já viu pelo menos 3 deles por aí em outros filmes e séries. Além de conhecidos são ótimos no que fazem. Por a série ter um elenco reduzido a apenas 10 pessoas o trabalho fica ainda mais difícil, eles são os grandes responsáveis por passar a angustia da situação e carregar a bagagem do que fizeram no passado. Temos Maerve Dermody, Douglas Booth (LOLA), Aidan Turner (O Hobbit), Toby Stephens, Burn Gordman (Game Of Thrones), Charles Dance (Game Of Thrones), Anna Maxwell, Miranda Richardson, Noah Taylor (A Fantástica Fábrica de Chocolate), Sam Neill (Jurassic Park)

4) A FOTOGRAFIA

      O livro foi lançado em 1939, então acredito que a trama se passe no mesmo ano, e eu, particularmente amo as fotografias das séries que se passam em épocas antigas. São sempre muito bonitas e bem trabalhadas seja no cenário com objetos antigos, a luz, as roupas, enfim, tudo. Isso sem contar que determinadas cenas são contadas com lembranças dos personagens e essa mudança de tempo é bem marcada, principalmente com a iluminação, o que não deixa a pessoa que está assistindo perdida durante a trama sem saber o que é passado e presente. Fica tudo muito bem explicado.

5) O FIM (Sem Spoiler)

     O final pra quem não leu o livro pode ser um pouco confuso. Pra mim foi e pretendo ler o livro pra entender melhor. Esse foi o único ponto negativo, eles poderiam ter deixado tudo mais explicado, senti falta de algumas motivações dos personagens serem mostradas com mais clareza. Mas também acho que pode ser intencional. Quem leu o livro ficou super satisfeito e quem não leu quer sair correndo pra mais explicações. Acredito que um seja o complemento do outro. Se foi mesmo pensado dessa forma, não há nada pra reclamar, mas se não, volto a dizer que ficou pouco explicado.

     A minissérie é formada por apenas 3 episódios de aproximadamente 1h cada um, dá pra assistir tudo seguido no mesmo dia. E uma notícia boa (ótima, na verdade) é que vem mais por aí, a BBC está providenciando mais 7 séries baseadas em outros livros da rainha Agatha Christie, mas não foram confirmados ainda quais serão esses livros. Vamos ficar na torcida pra todas ficarem igualmente maravilhosas a E Não Sobrou Nenhum.

Curta nossa Page no Facebook  ❤  Siga-nos no Instagram  ❤  Inscreva-se na Tv Portão Azul

Garotas e Livros

Posted: 27 Aug 2016 10:07 AM PDT

Garotas e Livros


[Entrevista] Roxane Norris

Posted: 27 Aug 2016 06:00 AM PDT


Bom dia pipous!!!

Nos últimos dias a gente tem visto algumas postagens sobre nossa parceira Roxane Norris. Um grupo de blogueiras tem feito essa campanha de posts sobre o novo livro da autora, lançado pela Qualis. Neste próximo fim de semana ela estará lançando seu livro na bienal em São Paulo e hoje vamos conferir uma entrevista com nossa autora, feita pela Lia Christo, do Doces Letras. Vamos conhecer um pouco mais da autora e suas obras?


Roxane Norris desde pequena se envolveu com os clássicos do romance mundial como Alexandre Dumas, Louise May Alcott e Jane Austen, e o brasileiro José de Alencar. Arquiteta por formação, encontrou sua felicidade na escrita. Possui cinco livros publicados, sendo Immortales seu primeiro romance, seguido por Youkai e a trilogia Volkodlák.


Confiram os seus livros já publicados, ou sendo postados na Plataforma Wattpad.


Gostaria de agradecer a Roxane Norris, por me conceder esta entrevista. Seja muito bem vinda ao Blog Doces Letras!

DL – Roxane Norris, por ela mesma!
RN — Sou a pior pessoa para falar de mim kkkkkkkk Mas, vamos tentar: Sou mega ansiosa, perfeccionista, amiga, tímida, organizada, sonhadora, cabeça dura, prestativa... Bem humorada, positiva. Tá bom né? kkkkkkkkk

DL – Qual o seu primeiro contato, com o universo literário?
RN — Através do meu primeiro livro publicado, Immortales, quando estive na Bienal de São Paulo em 2012. Um momento inesquecível, porque de cara, ele foi lançado num evento desse porte. E como qualquer autor, no início de carreira, sempre achamos que já passamos pela parte mais trabalhosa, e de quebra, em grande estilo né? Mas não é verdade. O trabalho apenas começou, e a Bienal é um sonho, mas não é tudo.

DL – Tem mais algum escritor em sua família?
RN — Tenho um irmão e uma sobrinha que já escreveram contos para coletâneas da Andross, mas, de fato, não tomaram isso como carreira.

DL - Você tem requisitos obrigatórios para escrever? Tipo alimentos, bebidas, local da casa, manias...
RN — Gosto de ouvir música. Geralmente associo uma em especial a um personagem, e em cenas muito intensas, ela toca direto. Chego a repeti-la várias vezes, pela questão do clima que ela me conduz.

DL - Você tem um livro favorito entre os que você escreveu?
RN — Haha... Não. Costumo dizer que Immortales é meu xodó por ser o primeiro. O que me fez entrar nesse mundo, conhecer esse meu lado e conquistar amigos e leitores. Todavia, hoje, com 8 livros escritos e dois em andamento, eu posso afirmar que cada um é especial. Embora, eu seja obrigada a dizer que a sequência do Conde de Rothesay está deliciosa.

DL - Quem é o seu personagem literário favorito?
RN — Edmund Danté, de O Conde de Monte Cristo; e como mulher, Jô March, de Little Women. São intensos e muito bem escritos.

DL - Quantos livros você está trabalhando no momento?
RN — Em dois, um no wattpad, e o último da trilogia das Irmãs Reims, O Sedutor Marquês de Winter.

DL - Você poderia nos adiantar qual será o seu próximo livro a ser lançado e se ele já tem data de lançamento?
RN —  Estou entre o Duque e Immortales 2. Mas acredito que o Duque venha mais rápido.

DL – Em sua opinião, o que foi mais difícil, escrever este livro(O Conde de Rothesay), ou conseguir que ele fosse publicado?
RN — Certamente publicar, principalmente por uma editora que acredita no seu trabalho. E eu realmente tive muito apoio da Qualis, em tudo. Então é um trabalho lindo e em conjunto que estamos trazendo para o público, com um imenso respeito por ele, por saber o quanto são apaixonados, como eu, por esse gênero.

DL – Qual a sua expectativa em relação ao seu livro?
RN — Eu prefiro não ter expectativas. Acredito que o trabalho como um todo está lindo. Concluir esse livro foi um desafio em muitos sentidos, não só pela completa mudança de público, como pela dedicação aos detalhes, à pesquisa. Minha maior expectativa é o reconhecimento.

DL – Cite aqui três dicas para quem está começando agora:
RN — Nunca desista, persistência é tudo. Tenha determinação, explore a si mesmo, busque o melhor de si. E, mais que tudo, saiba ser humilde. Escrever é o primeiro passo de uma longa jornada.

Agora um bate/rebate...

  • Uma cor – Azul, certamente azul
  • Um autor – Xiii, aí vou acabar com amizades! Melhor citar um estrangeiro: Alexandre Dumas.
  • Uma viagem – França, ainda vou fazê-la.
  • Uma data. Por que? — Não me prendo a datas, pode ser fase? A de ser mãe.
  • Uma frase – Escrever é o primeiro passo de uma longa jornada.


DL – Para finalizar, deixe uma mensagem para os leitores do blog:
RN - Eu quero agradecer a cada um, a cada parceiro, a cada amigo, que esteve ao meu lado nessa caminhada. Lia, você foi uma das primeiras a acreditar nos meus sonhos, em mim, e sempre será especial. Eu só posso me sentir honrada por estar aqui. Muitos beijos!
Eu já tenho o prazer de conhecer e ter amizade com a Roxane Norris há uns 6 anos e mais ou menos há uns 4 anos, ela se tornou parceira aqui do blog. Desde então venho acompanhando sua carreira sempre de perto. Por isso, fiquei imensamente feliz ao saber que ela iria se aventurar nos romances de época, que são minha paixão. Eu tive a honra de ser uma das primeiras a ler este livro e posso dizer que gostei muito! Espero que os leitores possam se apaixonar pelo conde e por Irina tanto quanto eu!

Espero que tenham gostado da entrevista e que possam prestigiar a Roxane nesta Bienal. Abaixo os dias e horários que a autora estará autografando seu livro, O Conde de Rothesay e suas outras participações.


Bjus






Fome de Livros

Posted: 27 Aug 2016 04:22 AM PDT

Fome de Livros


Resenha - Garota Online Em Turnê

Posted: 26 Aug 2016 11:00 AM PDT


Resenha feita pela Maay!  
Título: Garota Online Em Turnê
Título Original: Girl Online On Tour
Série: Garota Online
1- Garota Online (2015)
2- Garota Online Em Turnê (2016) 
3- Girl Online Going Solo 
Autor: Zoe Sugg
Editora: Verus
Páginas: 294
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac // Amazon 

Eu amei, mas em alguns momentos confesso que odiei - e muito.
P.S.: Essa resenha não contém spoilers do primeiro livro, exceto na sinopse.


Sinopse: Penny está de malas prontas!
Quando Noah a convida para acompanhá-lo em sua turnê pela Europa, ela mal pode esperar para passar semanas na companhia de seu fantástico namorado roqueiro. Mas, entre a agenda cheia de Noah, seus companheiros de banda não tão amigáveis e mensagens ameaçadoras de fãs invejosas, Penny começa a se perguntar se foi feita para a vida em turnê. Ela sente muita falta da família, de seu melhor amigo, Elliot... E de seu blog, o "Garota Online". Será que Penny vai aprender a equilibrar vida, amor, amizade, planos para o futuro — tudo isso com os pés na estrada —, ou vai pôr tudo a perder nas férias de verão mais emocionantes e imprevisíveis da sua vida?

A Trama: Se o primeiro volume da série demorou bastante para me prender,  o segundo me fez ficar grudada às páginas desde o início. E isso foi um ponto muito positivo.
Por outro lado, a trama de Garota Online me agradou mais do que a desenvolvida nesse segundo livro. Mais de uma vez eu tive que pausar a leitura e ir desabafar com alguém, de tanta raiva que os protagonistas me fizeram passar - Penny por ser tão sonsa e Noah por ser tão filho da $#@%. Em um momento onde o girl power está tão em alta, é bem revoltante ler uma garota de 16 anos tão submissa ao namorado. 
Enfim... Apesar dos pesares a leitura ainda é agradável, e pretendo continuar acompanhando a série. 

A ProtagonistaPenny me fez perder a cabeça em alguns momentos. Minha vontade era pegar a personagem pelos ombros e sacudir, para quem sabe ela acordar para a vida - mas então eu contava até dez, lembrava que na idade dela tudo é mais intenso, respirava fundo, e continuava a leitura. 

Os Personagens Secundários: Não tem como acreditar que o Noah do primeiro livro é o mesmo que temos aqui - ele deve ter passado por um transplante de personalidade, porque nada explica. Entendo que seu comportamento deveria fazer sentido quando a gente leva em conta o cenário geral, mas... Quero ver ele se *&¨%$ muito no terceiro livro para compensar a raiva que me fez passar. 
Elliot foi uma surpresa, uma vez que ele não tinha me convencido muito antes. Gostei de ver seu desenvolvimento - muito mais do que esperava. Amei ter um pouco mais de Megan também, mesmo que ela ainda me deixe com o pé atrás. 
Larry, um personagem que foi inserido nesse volume, ganhou meu coração e me deixou querendo mais. 
Agora... O ponto alto do livro foi Leah. Já quero um spin-off com ela como protagonista, porque a garota merece. Protagonizou os melhores momentos, os melhores quotes, e se mostrou uma pessoa sensacional. 

Capa, Diagramação e Escrita: A capa é fofa e super combina com a do primeiro livro. As duas ficaram lindas juntinhas na estante (haha).
A evolução na escrita de Zoe Sugg é inquestionável. Mesmo a história me irritando e me deixando revoltada, as páginas passaram sem que eu sequer me desse conta. O que me deixa em um dilema de amor e ódio muito forte. 

ConcluindoNão consigo definir o que senti por esse livro. A leitura fez o tempo voar... No entanto, não posso ignorar o quanto passei raiva com a trama. Acho que vou precisar do terceiro volume para então me decidir em relação à série.
Enfim... Para quem gostou de Garota Online, é uma continuação satisfatória.


Quotes:
Quem disse que comida não resolve todos os problemas? Comida e melhores amigos são a melhor combinação.
Classificação:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge