Burn Book

Conteúdo Recomendado

Burn Book


Pokémon GO ganha data de lançamento no BRASIL!!!

Posted: 25 Jul 2016 05:05 PM PDT

Segundo o site OmeletePokémon GO chegará ao Brasil no dia 31 de julho!

Segundo o suposto site dos servidores do game, que citam uma “fonte confiável” para dar uma projeção do horário em que a América Latina receberá a liberação. Os servidores nacionais de Pokémon GO já existem, ao lado de Argentina e Chile.

Pokémon Go: Até onde o aplicativo pode controlar sua vida e ou invadir sua privacidade?

giphy (3)

Brasil já aparece na lista de servidores oficiais de Pokémon GO

Pokémon Go foi lançado há pouco tempo, mas já se tornou um fenômeno cultural ao redor do mundo. O game, que utiliza da tecnologia de geolocalização, permite que os jogadores andem pelas suas cidades capturando os Pokémon que aparecem no caminho.

via Omelete

The post Pokémon GO ganha data de lançamento no BRASIL!!! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Confira o desabafo da autora Colleen Hoover sobre a pirataria!

Posted: 25 Jul 2016 03:11 PM PDT

A autora Colleen Hoover resolveu fez uma MEGA textão sobre a pirataria! A Raffa ,do blog A menina que comprava livros, traduziu o texto em sua página do Facebook e resolvemos compartilhar com vocês. 

Confiram o relato dela traduzido abaixo:

Vamos cair na real por um minuto.

Minhas vendas diminuíram de forma constante com todos os livros que tenho escrito desde 2013. Eu vendo menos de 1 / 10 dos livros que eu costumava vender. No entanto, meus seguidores de mídia social têm aumentado rapidamente.
Como? Por quê?

Eu tinha um livro lançado anteriormente que vazou na internet três meses antes de ser lançado. Ele tinha milhares de avaliações antes mesmo de ser colocado à venda vindo de pessoas que baixaram ilegalmente. Tem mais avaliações no Goodreads dele no que somam as vendas totais.

Há algo terrível sobre isso.

Eu não acredito que as pessoas roubam arte, porque eles são ladrões. Acredito que as pessoas façam isso porque elas são ignorantes em entender que a forma como adquirem seus livros está contribuindo para a morte da arte. Se as coisas continuarem nesse ritmo, dentro de alguns anos a partir de agora, músicos e autores não seão capazes de ganharem a vida. Nós não seremos capazes de pagar a edição, a arte da capa e formatação dos livros que escrevemos com nosso próprio tempo, sem contar com nossos outros trabalhos diários.

Por favor, pare de contribuir com a morte da arte. Comprem seus livros. Peguem os emprestados em uma biblioteca. Mas saiba que se você está baixando seus livros de forma ilegal, você é um pequeno contribuinte para uma questão muito real. Não seja essa pessoa. Seja um salvador da arte.

Se as pessoas não aparecerem em seu local de trabalho e exigem que você trabalhe o dia inteiro graça, você também não deve esperar que os seus autores e músicos favoritos o façam.

Quero que as pessoas leiam. Ler é ótimo, mas pode sair caro. Eu sei disso. Se você luta para pagar ter grana para pagar seus livros, baixe legalmente os gratuitos ou adquira livros que estão na promoção. Você pode até emprestar ebooks da maioria das bibliotecas locais.

Eu quero ajudar a arte prosperar. Deixe um comentário aqui com o seu endereço e e-mail hashtag # ISupportArtists.

Eu vou escolher 25 pessoas em 29 de julho para receber um cartão de $ 10 a tanto Amazon, iBooks ou B & N.

Se você é um autor, sinta-se livre para escolher um endereço de leitores de e-mail a partir de comentários abaixo e presente uma cópia do seu livro para alguém.

Se você é um leitor que pode facilmente ter recursos para comprar livros, sinta-se livre para enviar um e-book para quem deixa o seu endereço de e-mail abaixo.

Por mais que você acha que seus downloads ilegais pessoais não impactam negativamente artistas, eles fazem. Mais do que você imagina.

Um download negativo é tão impactante como uma única compra. Verifique se o seu impacto é positivo. # BeAnArtSavior # SupportYourFavoriteArtists

The post Confira o desabafo da autora Colleen Hoover sobre a pirataria! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Precisamos falar da “relação” dos Cinemas com as Pessoas que tem algum tipo de deficiência auditiva!

Posted: 25 Jul 2016 02:26 PM PDT

Danielle Kraus Machado fez um post que me chamou a atenção no Facebook, e resolvi trazer essa questão para discutir com vocês.

Como vocês sabem, quase 80% dos filmes que estão em exibição nos cinemas são dublados,  e por mais que falem “ah, mas a culpa é da Distribuidora”, não, não é não!

A culpa é do CINEMA e da localização/público que frequenta o mesmo (ou público que cada rede de cinema acha que frequenta o mesmo).

Pessoas com deficiência auditiva tem todo direito de ir no cinema e aproveitar como todo mundo, mas por causa da maioria dos filmes serem dublados, muita gente sofre com isso. 
A Danielle fez um post expondo a rede Cinépolis Brasil que não oferecia os filmes “A Era do Gelo” ou “Procurando Dory” legendado (que é até justificável, já que se tratam de animações voltadas para o público infantil), mas não exclui a responsabilidade social (e até de escolha) de oferecer TODOS os filmes dublados/legendados, dando o poder de escolha para os clientes de acordo com o horário da sessão. 
Mas como as coisas não funcionam assim, vamos ao post da Danielle: 

Hoje fui no Continente Shopping – São José, onde o cinema é da empresa Cinépolis.

Queria assistir A Era do Gelo ou Procurando Dory. Porém tenho perda auditiva bilateral moderada, e mesmo com aparelhos auditivos preciso de legenda.

Só que não tinha.

Depois de esperar um tempão pelo gerente, ele vem e só fica falando “Você que procure seus direitos então, eu não posso fazer nada, quem decide se é legendado ou dublado é a distribuidora.”

Porém já descobri que quem decide isso é o pedido do cinema, ou seja, dele mesmo. (corrigindo: esse sistema de quem decide é o próprio cinema, foi de outra empresa de cinema, não era a mesma, desculpa)

Ok, ele “não pode fazer nada “, mas eu posso. Vai ter processo, vai ter exposição e por mim teria boicote também.

Vai ter resistência.
Vai ter cartaz.
Vai ter denúncia.
Vai ter luta.

Semana que vem tem mais, quem conhecer alguém que tenha interesse em ir junto, só avisar.(Será em outros cinemas que também não cumprem a lei)
Essa luta é por todas as pessoas com deficiência.

Se você não diz à uma pessoa com deficiência física, cadeirante:

“Se essa rua não tem rampa é só passar em outra, ué, que frescura, quer andar em todas as ruas, igual todo mundo “

Então não diga à uma pessoa com deficiência auditiva:

“Se esse filme não tem legenda é só ver outro, ué, que frescura, quer ver todos os filmes, igual todo mundo “.

Deu pra notar a discriminação ??

Obs: Já tentei assistir dublado. Mal entendi 3 frases. Não adianta eu querer fingir que não tenho deficiência auditiva.

13775387_1114188031981333_4597297387447818894_n 13718513_1114188051981331_7315444697968558568_n 13669221_1114188078647995_7055796470669770709_n 13726567_1114188101981326_6801272217840568681_n 13776019_1114188111981325_4739781075136154989_n 13775563_1114188135314656_3555646533177928626_n 13775946_1114188158647987_7915295753714058623_n

Complementando o post da Dani, a autora Iris Figueiredo levantou outra questão falando sobre os filmes dublados:

Filme dublado é muito bom para quem tem deficiência visual e não domina o idioma original, para quem tem dislexia e não consegue ler as legendas ou simplesmente para quem gosta de ver filmes e tem preguiça de legenda ou prefere ouvir os personagens falando sua própria língua.

Mas o cinema legendado é extremamente importante também, pois é a única forma de muitos deficientes auditivos conseguirem assistir filmes. E por que tem a galera (tipo eu) que prefere assistir ao filme no idioma original, por achar a experiência melhor.

Não importa: o ideal seria ao menos oferecer as duas opções para o consumidor, ao menos em um horário, para que todos sejam contemplados.

Em tempo: vamos falar sobre audiodescrição para deficientes visuais? Quando isso vai se tornar acessível?

The post Precisamos falar da “relação” dos Cinemas com as Pessoas que tem algum tipo de deficiência auditiva! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Charlie Hunnam é Rei Arthur em trailer do novo filme

Posted: 25 Jul 2016 02:24 PM PDT

Com previsão de estreia para março de 2017,  o diretor Guy Ritchie (O Agente da U.N.C.L.E) divulgou na Comic Con San Diego desse ano o trailer de seu mais novo filme que traz Charlie Hunnam (Sons of Anarchy) como Rei Arthur

Com uma pegada diferente do que já vimos, veremos um jovem Arthur vivendo nas ruas de seu reino e que deve assumir seu papel de escolhido para salvar seu povo de um grande tirano, ao mesmo tempo que tem que aprender a usar a espada Excalibur.

O elenco ainda conta com Àstrid Bergès-Frisbey (Piratas do Caribe) como Guinevere e Jude Law (A Espiã que Sabia de Menos) como o grande vilão Vortigern.

Confira o trailer:

The post Charlie Hunnam é Rei Arthur em trailer do novo filme appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Pokémon Go: Até onde o aplicativo pode controlar sua vida e ou invadir sua privacidade?

Posted: 25 Jul 2016 11:45 AM PDT

O usuário Matheus Guide fez um post levantando uma questão que vem assombrando os jogadores de Pokémon Go pelo mundo: a privacidade dos usuários/até onde o aplicativo tem acesso aos seus dados/controla sua vida. 

Confira o post completo abaixo: 

Galera, uma pesquisa rápida me fez chegar ao seguinte:

1° O (Pokemon Go) foi fundado por esse cidadão: John Hanke
2° Ele também fundou a empresa Keyhole, Inc.
3° Essa Keyhole é um projeto de mapeamento de superfícies, foi comprada pelo Google e usado pra fazer o Google Maps/Earth e Street view.
4° Essa Keyhole foi patrocinada pela empresa In-Q-tel, que foi fundada pela CIA em 1999 (só entrar no site deles e comprovar).
5° Até aqui já podemos ver que a CIA indiretamente poderia ter acesso a todos os mapas do planeta, né? só que eles ainda não conseguiam entrar dentro das casas, correto?
6° Esses dias foi lançado o joguinho Pokemon Go, que virou febre na galera e geral anda usando, né?
7° Pra jogar você precisa dar permissão pro aplicativo usar a câmera, gps, microfone e até os dispositivos USB que estiverem conectados no seu smartphone.
8° Sempre que você aceita a permissão, o seu cel já acha 3 pokemons pertos de imediato (os 3 primeiros pokemons).
9° Quando você procura por pokemons dentro de casa, você permite o aplicativo ter uma foto da sala, incluindo as coordenadas e o ângulo do seu celular.
10° Você acabou de registrar as fotos de onde você mora por dentro e dar acesso ao aplicativo.

Mas Matheus, não é paranoia sua?

Veja bem, você leu os termos de aceitação pra usar o jogo? acho que ninguém vai ler né? são esses:

– "Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…"

No parágrafo 6 vocês podem achar isso também:
– "Nosso programa não permite a opção "Do not track" ("Não me espie") do seu navegador".

De nada, gente.

Fontes: http://bit.ly/2aek3JD – http://bit.ly/29A7iFu – https://twitter.com/zergulio

The post Pokémon Go: Até onde o aplicativo pode controlar sua vida e ou invadir sua privacidade? appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Eduardo Cilto, booktuber de Perdido nos Livros, lança “Traços”, seu primeiro romance.

Posted: 25 Jul 2016 11:30 AM PDT

E vem mais um livro de um famoso booktuber por aí. Ao que tudo indica o novo selo da editora Planeta, Outro Planeta, tem apostado fortemente nesse mercado que tem crescido cada vez mais nos últimos tempos.

Com a febre de livros escritos por celebridades do YouTube, a Planeta não quer bibliografias ou livretos sem muito conteúdo, ela vai atrás de booktuber com potencial para a escrita e romances a serem escritos. A primeira aposta do novo selo nesse mercado foi o Bruno Miranda, com seu livro Azeitona, um romance leve e divertido que provou que nem todo youtuber lançará um livro como o da Kéfera.

E agora é a vez do Eduardo Cilto, do Perdido nos Livros, com Traços, seu romance de estreia. Confira a capa e a sinopse do livro abaixo.

Quando Matheus aceitou acompanhar Beatriz na festa do colégio, jamais imaginou que terminaria a noite participando de um ritual místico (de veracidade duvidosa) para saber o que o futuro reservava para ele e a amiga. Assim que as velas que os cercavam se apagam e uma resposta esquisita encerra a cerimônia, Beatriz leva o resultado a sério e entende que deve fugir da cidade pequena para se encontrar com seu destino nas ruas da capital de São Paulo. Perdido no meio de tudo, Matheus é obrigado a repensar o que considera certo ou errado quando é convidado para participar do plano maluco de fuga e decide que precisa passar por cima dos limites impostos pelos pais para finalmente ser capaz de entender quem realmente é. Os dois amigos partem sozinhos para São Paulo e carregam consigo não somente as malas nas costas, mas também o peso de todos os problemas que achavam que estavam deixando para trás. Sem ter ideia do que estão enfrentando, Matheus e Beatriz descobrem mais sobre si mesmos, criam, quebram laços e encaram desafios que jamais pensaram que confrontariam enquanto contavam as moedas para realizar esse grande plano que iria mudar suas vidas para sempre.

The post Eduardo Cilto, booktuber de Perdido nos Livros, lança “Traços”, seu primeiro romance. appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Liga da Justiça: Confira o primeiro teaser e imagem oficial do filme!

Posted: 25 Jul 2016 09:09 AM PDT

A DC promete recuperar o tempo perdido no quesito adaptações para os cinemas! 

Durante a San Diego Comic Con, a DC divulgou as primeiras fotos oficiais e um pequeno teaser de Liga da Justiça

Confira o teaser abaixo:

Liga da Justiça tem no elenco Ben Affleck (Batman), Gal Gadot (Mulher-Maravilha), Henry Cavill (Superman), Jason Momoa (Aquaman), Ray Fisher (Ciborgue), Ezra Miller (Flash), Amber Heard (Mera), Willem Dafoe (Vulko), J.K. Simmons (Comissário Gordon), Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Jeremy Irons (Alfred) e Amy Adams (Lois Lane), entre outros.

Com direção de Zack Snyder, Liga da Justiça tem estreia prevista para 16 de novembro de 2017.

The post Liga da Justiça: Confira o primeiro teaser e imagem oficial do filme! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Stranger Things: playlist da trilha sonora da série já está no Spotify!

Posted: 25 Jul 2016 06:53 AM PDT

A Netflix preparou uma playlist especial, no Spotify, com a trilha sonora da série do momento: Stranger Things.

Stranger Things é a nova série Original Netflix, se passa na década de 1980 em Hawkins, Indiana, e conta a história da busca por um garoto que desapareceu sem deixar rastros e em circunstâncias suspeitas. Sua mãe (Winona Ryder) pede às autoridades locais o início das investigações do desaparecimento, que vai revelar uma série de mistérios envolvendo experimentos ultrassecretos do governo, forças sobrenaturais aterrorizantes e uma garotinha muito estranha. Uma homenagem aos clássicos cult dos anos 80, Stranger Things é uma história de formação de três garotos que levam essa pacata comunidade a um mundo onde mistérios estão à espreita de todos.
stranger-things-trilha-sonora-spotify-netflix-musicas

The post Stranger Things: playlist da trilha sonora da série já está no Spotify! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Confira a capa de “Sonata em Punk Rock”, o primeiro livro da série Cidade da Música, da autora Babi Dewet

Posted: 25 Jul 2016 06:29 AM PDT

A autora Babi Dewet divulgou a capa de “Sonata em Punk Rock”, o primeiro livro da série Cidade da Música, que será lançado na Bienal do Livro SP.

Confira a capa abaixo:

13769631_1728060587481341_2142039938551349099_n

Segundo a autora:

Eu estou muito feliz de poder dividir esse momento com vocês! O livro ficou incrível e o pessoal da Editora Gutenberg está cuidando de tudo com muito carinho. Estou ansiosa para saber o que vocês acharam!

Em breve vamos divulgar a sinopse e todas as informações do lançamento. 

The post Confira a capa de “Sonata em Punk Rock”, o primeiro livro da série Cidade da Música, da autora Babi Dewet appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge