Giro UOL: Sob nova direção; Nova ré e 'Barrados no app'

Conteúdo Recomendado

Giro UOL
 
Veja a seleção de notícias que o UOL fez para você nesta noite - 09/06
Sob nova direção
Adriano Machado/Reuters
O economista Ilan Goldfajn foi empossado pelo presidente interino, Michel Temer, como novo presidente do Banco Central. A posse foi feita em um evento fechado para a imprensa e o primeiro discurso será na próxima segunda-feira (13), quando acontece a cerimônia oficial de transmissão do cargo.

O novo presidente do BC diz que tem como objetivo cumprir plenamente a meta de inflação de 4,5%, e que a retomada do crescimento econômico passa pela reorganização das contas públicas.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
'Não existe acordo'
André Dusek - 7.jun.2016/Estadão Conteúdo
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), negou que exista um acordo entre a base aliada e a oposição para barrar uma eventual ordem de prisão dele e do senador Romero Jucá (PMDB-RR).

Os pedidos foram feitos pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e vão ser avaliados pelo STF. Se a Corte aceitar, os senadores só vão poder ser mantidos presos se o Senado aprovar.
Leia mais
Compartilhar no   Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Nova ré
Pedro   Ladeira - 5.nov.15/Folhapress
O juiz Sérgio Moro, responsável pela operação Lava Jato, aceitou a denúncia do Ministério Público Federal contra Cláudia Cruz, mulher do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB). Cláudia é acusada de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Para os investigadores, ela se beneficiou de parte da propina de US$ 1,5 milhão que Cunha teria recebido para viabilizar a compra, pela Petrobras, de um bloco para exploração de petróleo na África.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar   no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Perdeu o mandato
Danilo Verpa/Folhapress
O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo cassou o mandato do deputado estadual José Antonio Barros Munhoz (PSDB). Ele é acusado de abuso dos meios de comunicação social durante as eleições de 2014.

A decisão ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral. Além de perder o mandato, Munhoz fica inelegível por oito anos.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Mercado em movimento
Danilo Verpa/Folhapress
O Ibovespa fechou hoje em queda de 0,99%, com 51.118,46 pontos, após dois dias de ganhos.

No mercado de câmbio, o dólar comercial quebrou uma sequência de quatro quedas e teve alta de 1%, cotado em R$ 3,404.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
CPI do Futebol
Alan Marques/Folhapress
O Senador Romário (PSB-RJ) entrou com um mandado de segurança no STF contra o presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL). O objetivo é conseguir a continuidade das investigações da CPI do futebol. O ministro Teori Zavascki foi sorteado para ser relator da matéria.

As atividades estão suspensas desde que Renan determinou uma nova votação dos requerimentos aprovados pela CPI. A comissão foi criada para investigar a CBF e o Comitê Organizador Local da Copa de 2014, além de analisar irregularidades em contratos para realização de jogos da seleção e campeonatos da CBF.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar   por E-mail
 
Tragédia em SP
Jonny Ueda/Futura Press/Estadão Conteúdo
Os familiares e amigos das vítimas do acidente que matou 18 pessoas na rodovia Mogi-Bertioga na noite de ontem criticaram o motorista do ônibus. O tio de uma das vítimas disse que o condutor frequentemente deixava alunos para trás e "tirava rachas na rodovia com eles dentro".

O veículo transportava 35 pessoas, a maioria universitários que estudavam em Mogi das Cruzes. Morreram 17 estudantes e o motorista, Antonio Carlos da Silva, de 38 anos.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Verba extra
Pedro Ladeira -1o.jun.2016/Folhapress
O presidente interino, Michel Temer, liberou R$ 150 milhões em crédito extraordinário para o Tribunal Superior Eleitoral, presidido por Gilmar Mendes, ministro do STF.

A decisão foi publicada hoje, e atende um pedido de Mendes feito a Temer no fim de maio por reforço do orçamento da Justiça Eleitoral para a organização das eleições municipais, em outubro.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Devendo na Alemanha
AFP PHOTO/CRIS   BOURONCLE
O governo da Alemanha cobra R$ 4 milhões do zagueiro Breno, atualmente jogando no São Paulo, por ter colocado fogo na própria casa. O incêndio, em Munique, aconteceu em setembro de 2011. O julgamento sobre o caso foi em julho do ano seguinte, quando ele foi condenado a três anos e nove meses de prisão.

Os valores são referentes ao seguro da casa, serviços de advogados, reparos elétricos e outras despesas. O jogador alega não ter dinheiro para pagar a dívida. E enquanto não resolver o problema, Breno pode ter dificuldades para entrar em países da União Europeia.
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
Preparação para a Rio-2016
Divulgação/FIVB
A seleção feminina de vôlei estreou bem no Grand Prix, o último grande teste antes dos Jogos Olímpicos do Rio. O time de José Roberto Guimarães venceu a Itália por 3 sets a 1, de virada, no Rio de Janeiro.

O Brasil vai enfrentar o Japão na sexta, e a Sérvia no domingo. Depois, viaja para China e Turquia para a sequência da primeira fase.
 
Leia mais
Compartilhar no Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no   Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
'Barrados no app'
Getty Images
A partir da semana que vem, os adolescentes que estiverem à procura de um par romântico podem esquecer o Tinder. A empresa anunciou que vai proibir o uso do aplicativo para menores de 18 anos.

Até agora, o acesso ao Tinder era permitido a partir de 13 anos, mas usuários de até 17 anos só tinham permissão para se relacionar com outros dentro da própria faixa etária.
 
Leia mais
Compartilhar no   Facebook | Compartilhar no Twitter | Compartilhar no   Linkedin | Compartilhar no Pinterest | Compartilhar por E-mail
 
 
Baixe o aplicativo UOL:   Apple Store Google Play
UOL Facebook Twitter Pinterest Instagram Snapchat: @uoloficial
Se deseja cancelar o recebimento da newsletter do Giro UOL, clique aqui.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge