Fome de Livros

Conteúdo Recomendado

Fome de Livros


Saciando a Fome #147

Posted: 25 Jun 2016 10:17 AM PDT

Amei os livros dessa semana!


Tem como escolher qual a capa mais linda?
Recebemos livros bem diferentes essa semana, uma fantasia, A Coroa Escarlate (Cinda Williams Chima - Suma de Letras), uma distopia com elementos de ficção científica, Temporada dos Ossos (Samantha Shannon - Fantástica), um suspense com releitura, Dorothy Tem Que Morrer (Danielle Paige - Rocco) e, claro, um romance lindo de uma autora que eu amo, Talvez Um Dia (Colleen Hoover - Galera Record).
Todos os livros realmente parecem muito bons.


Até as lombadas são lindas!! Minha predileta é a de Talvez Um Dia, porque as cores leves harmonizam muito bem.

Últimas Resenhas:
Scott Pilgrim Contra o Mundo Vol. 2 - Bryan Lee O' Malley 50
Mau Começo - Lemony Snicket 32
Anna Vestida de Sangue - Kendare Blake 40
Temporada dos Ossos - Samantha Shannon 44
Quem está ansioso pelas resenhas dessa semana? Teremos muitos livros bons!

Resenha - Temporada dos Ossos

Posted: 25 Jun 2016 08:12 AM PDT

Resenha feita pela Luh!  
Título: Temporada dos Ossos
Título Original: The Bone Season
Série: Bone Season
1- Temporada dos Ossos (2016)
2- The Mime Order (2015 US)
Autora: Samantha Shannon
Editora: Fantástica
Páginas: 448
Saiba mais: Skoob
Comprar:  Fnac // Amazon

Não esperava gostar tanto!

Sinopse: Ambientada em 2059, a trama acompanha a protagonista Paige Mahoney, uma andarilha onírica, alguém capaz de entrar na mente das pessoas e captar pensamentos e fragmentos de sonhos. Considerada traidora pelo governo, Paige paga por seu dom com a sua liberdade e é enviada para uma prisão secreta em Oxford. Lá, ela conhece os Rephaim, criaturas de uma raça antiga que desejam controlar a clarividência de Paige e de outros como ela, e precisará aprender a confiar em aliados improváveis não só para reconquistar a liberdade, mas garantir a própria sobrevivência. 

A Trama: Em um mundo distópico onde uma boa parte da população tem poderes especiais e é perseguida por isso, Paige tenta sobreviver usando seu dom e faz o que for necessário para se manter segura. O início do livro pode ser um pouquinho complicado, já que demora até você entender os diferentes dons das pessoas, porém logo a autora introduz a ação, com perseguições, algumas mortes e muito perigo.
Adorei o ritmo do livro, que intercalava entre lutas, muito suspense e algumas cenas fofas em que Paige interagia com outras pessoas e tentava ferozmente proteger até os desconhecidos.
O final foi ótimo, eu gostei bastante e mal posso esperar pelo próximo livro. Não dei nota máxima por dois motivos: primeiramente, acredito que a autora escolheu tipos demais de dons, há 7 classe principais com suas subclasses e no início fica difícil mesmo acompanhar. Além disso, apesar de essa história ser bem original, às vezes eu tinha a sensação de estar lendo uma trama que já havia lido outras 10 vezes - sentimento típico em livros distópicos.

A ProtagonistaMinha característica predileta em Paige é que ela é muito astuta. Apesar de tentar lutar pelo que acredita, Paige sabe escolher os momentos certos para revelar suas intenções e consegue, na maior parte do tempo, pensar antes de tomar alguma atitude. Além disso, ela é uma personagem muito complexa e sinto que há muito ainda a entender sobre a garota, já que às vezes ela parece uma garotinha assustada e em outras cenas há vislumbres da mulher madura e confiante em que ela vai aos poucos se tornando.

Os Personagens Secundários: Arcturus, enigmático como era, foi meu personagem predileto (depois da protagonista, é claro). Eu simplesmente não conseguia decidir se gostava dele ou não, mas aos poucos fui me apegando ao 'Mestre'. Vários dos outros personagens se destacaram, porém senti que Arcturus e Paige roubavam a cena sempre.

Capa, Diagramação e Escrita: Não sei o que é exatamente, mas algo nessa capa me prendeu. Mesmo após ter lido o livro eu não entendo a capa, porém gostei muito dela e acho que dá um ar de mistério à trama. 
A edição deste livro merece ser mencionada aqui, porque está perfeita. Antes da trama há uma explicação sobre os sete tipos de clarividentes citados no livro (que eu usei muito!), além de um mapa, e no final do livro há um glossário com quase 100 termos diferentes que aparecem na trama. Apesar disso tudo, não se assuste, não é um livro difícil e você não vai ficar todo perdido, estas coisas estão lá só para ajudar um pouquinho.

Concluindo: Superou as minhas expectativas, porque eu não sabia o que esperar dessa história. É uma distopia maravilhosa que mistura elementos de fantasia, muita ação e até um pouquinho de romance proibido. Recomendo para quem quer algo diferente.


Classificação:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge