Burn Book

Conteúdo Recomendado

Burn Book


A dama da meia-noite, Tessa Dare

Posted: 29 Jun 2016 06:59 PM PDT

Não é segredo para ninguém que eu me apaixonei pela escrita da Tessa Dare, né? Anseio que apreciem a história do terceiro livro e, como eu, fiquem desesperados pelos próximos!

Como descobriram nas resenhas anteriores, Spindle Cove é uma cidade de solteironas, bem, era, antes que o capitão Bram aparecesse por lá para implantar uma milícia a pedido do Duque responsável pela cidade e levasse consigo seu primo e o Cabo Thorne, protagonista do terceiro volume dessa belíssima série.

Esses três homens conseguiram mudar muito da cidade. Claro que continua sendo uma cidade de renome para famílias que precisam que suas filhas solteironas "melhorem", mas com um toque masculino que não tinha antes, como a casa de chás que a noite é taverna ou os homens que passeiam pela cidade vestidos impecavelmente em seus uniformes de milicianos (uii!).

O Cabo Thorne é um desses homens impecáveis. Mas, diferente da maioria, ele não tem senso de humor ou qualquer expressão além da constante relutância em seu rosto perfeito. Ele parece estar sempre irritado, sempre precisando socar alguma coisa, principalmente quando em presença da professora de música Kate Taylor, ou, senhorita Taylor.

As reações dele, no entanto, não a fazem desistir de tentar fazê-lo baixar a guarda e se mostrar realmente como é. Apesar de maltratá-la o tempo todo ou deixar o ambiente quando ela aparece, a srta. Taylor se mostra tão teimosa quanto ele.

“Da próxima vez que eu me sentir tentada a estender um ramo de oliveira como sinal de amizade ao Cabo Thorne…” Ela arqueou uma sobrancelha e deu um sorriso divertido. “Lembre-me de usar esse ramo para bater na cabeça dele.”

Ela é uma donzela e eu não sabia que mulheres que não nasceram na alta sociedade não eram chamadas de lady naquela época e foi bom demais descobrir. Continuando, ela é uma donzela, órfã, foi criada em um orfanato até a maioridade quando decidiu se dedicar a dar aulas. Kate não lembra de nada do seu passado a não ser da cor azul e de uma voz que parecia ser de alguém que a amou muito dizendo: Seja corajosa minha Katie!

Apegada a ideia de que alguém a amou de verdade um dia, ela busca suas origens com afinco, escondido de todos é claro.

É por culpa dessa busca que ela vai parar em uma cidade distante de Spindle Cove, para conversar com a antiga diretora do orfanato onde viveu e tentar descobrir mais informações sobre seu passado. A mulher é uma cobra e, além de não ajudar, acusa Kate de ser filha do pecado.

Atordoada, Kate acaba cometendo inúmeros erros, culminando em perder a última carruagem para Spindle Cove e estar sem nenhum dinheiro para alugar um quarto e repousar na cidade. Uma ideia surge para conseguir dinheiro: vender as partituras novas de música que havia adquirido mais cedo.

O problema é que o dia não estava a seu favor e ela quase é atropelada por uma carruagem. Além de a insultarem, ainda perde as partituras para a lama e esbarra em um homem forte, sisudo e que a salva de ser pisoteada pelos cavalos.

O homem? Nada menos que o cabo Thorne.

Love U, Cabo Thorne!

A animosidade que está sempre presente nas conversas deles, parece pairar, mas não toma conta do momento. Ela atordoada. Ele também. Ora um homem sem emoções atordoado? É o primeiro indicio de que Thorne pode ter mais do que a obrigação de um miliciano dentro do peito. Ou um congelante e frio coração.

É nesse instante que algo se quebra e se encaixa e que começamos a desejar desvendar esse soldado tão carrancudo.

“Minha vida toda”, ela começou, com a voz falhando, “eu me apeguei a uns fiapos de memória. Não importava o quão triste era minha realidade, essas lembranças vagas me davam a esperança de que alguém, em algum lugar, havia gostado de mim, um dia. E eu sempre acreditei, no fundo do meu ser, que algum dia alguém me amaria novamente.”

Não vou contar as coisas que ocorrem até eles, finalmente, conseguirem chegar em casa. Mas atitudes possessivas e o sentimento de responsabilidade fazem com que o Cabo sem coração, finja ser o noivo de Kate diante de uma família esquisita que a estava procurando, alegando terem descoberto que ela era a filha perdida de um falecido Marquês.

A visita dessa família deixa toda a Spindle Cove enlouquecida, não tanto quanto a novidade que os dois que mais se odiavam na cidade estão NOIVOS!

Thorne guarda um segredo sobre o passado de Kate e sempre que a narração é feita por ele, temos vislumbres desse passado e do quanto a culpa e o medo o cegam para o que pode estar acontecendo no presente entre ele e a senhorita Taylor. Ele é um homem machucado pela vida, com um passado criminoso e duvidoso e não quer envolve-la nisso.

Kate, apesar de tudo o que sofreu em sua infância, só deseja uma coisa em sua vida: uma família. O problema é que o noivado fingido tem levado novos sentimentos e novos desejos ao seu coração. O que fazer quando se deve escolher entre o que sempre sonhou e um homem que não demonstra qualquer sentimento, mas que sem dúvida alguma, a salvou mesmo que ela não saiba do que?

Esse livro se tornou meu favorito da série. Tentei não dar spoilers importantes e talvez a resenha tenha ficado confusa em alguns pontos, mas foi proposital, assim vocês correrão para ler!

Apesar de os diálogos continuarem sendo feitos entre aspas, a história é tão incrível e impactante que nem percebi isso dessa vez. O conturbado romance é o combustível para a leitura fluir rapidamente. Li esse livro em menos de um dia! E, por favorrrrrr, leiam também!

Gostaria muito de ler mais livros da Tessa e espero que a editora Gutenberg publique mais alguns! Alguns? Muitoooos!

Espero que tenham gostado!

Beijocas,

Resenha publicada também no blog Coração de Papel.

A dama da meia-noite, Tessa Dare
100%Pontuação geral
Capa100%
Enredo100%
Narrativa100%
Personagens100%
Votação do leitor 0 Votos
0%

The post A dama da meia-noite, Tessa Dare appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

The Ranch: 1° temporada | Crítica da série

Posted: 29 Jun 2016 02:00 PM PDT

Os produtores de Two and a Half Men retornam para nos contar uma comédia no sertão.

The Ranch é a mais nova comédia do Netflix. Fugindo um pouco dos padrões de suas últimas comédias, essa quer apenas uma coisa: nos fazer rir com besteiras e nada muito inteligente ou instigante. Não que tenha alguma coisa de errado com isso, ás vezes o que precisamos é apenas algo que queria nos entreter e não tenha um significado profundo.

O novo trabalho de Ashton Kutcher está aí para isso, nos fazer rir por apenas rir; embora tenha que admitir que quase abandonei a série pelo seu piloto fraco, que tentou colocar coisa demais em trinta minutos desajeitados, a série conseguiu se firmar nos próximos episódios num ritmo mais consistente e deixou que as piadas e situações embaraçosas fizessem seu trabalho, mostrando o retorno do filho pródigo para casa.

Colt Bennett (Ashton Kutcher) retorna a sua antiga cidade depois de anos tentando se firmar como um jogador profissional de futebol americano. O personagem é o que você esperaria de Kutcher. Um jovem galã, que conquista todos os olhares, com um jeito moleque e um tanto idiota. Com certeza os fãs de That ’70s Show devem ter adorado ver Colt e seu irmão Rooster (Danny Masterson) interagindo. Os dois realmente tem uma boa química que os produtores souberam aproveitar.

ashton-kutcher-netflix-ranch

Mas os que realmente roubaram a cena foram os pais. Beau Bennett (Sam Elliott) e Maggie Bennett (Debra Winger) foram a melhor surpresa, os dois carregavam uma carga emocional e tão gostosa de se acompanhar. Entre situações bobas e desajeitadas era impossível não querer mais cenas dos dois. Ás vezes até me esquecia quem era o protagonista.

the-ranch-sam-elliott

No final, The Ranch é uma boa pedida para aqueles que tem um humor mais acido e gostem de séries ao estilo Two and a Half Men e não se importem muito com piadas sexuais. Os personagens são republicanos e não tem medo de mostrar isso, então talvez você possa se incomodar com alguma coisa, mas no geral vale à pena conferir.

Não pare depois do piloto, de uma chance aos outros episódios. 

Confira o trailer abaixo:

The post The Ranch: 1° temporada | Crítica da série appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Estreia de Procurando Dory no Brasil gera polêmica na internet!

Posted: 29 Jun 2016 10:18 AM PDT

Todo mundo sabe que qualquer comentário pode gerar polêmica na internet. A “bola da vez” é a estreia de Procurando Dory x o comentário de uma página no Facebook chamada O Camundongo.

A página publicou uma imagem  pedindo para que pais não levassem seus filhos ao cinema na estreia do filme, porque “os bebês dos anos 90” estão esperando por isso há 13 anos, e as coisas acabaram saindo do controle. 

Confira o post que gerou a polêmica e as repostas que os usuários comentaram na página.

13494984_1171765616201810_8761729517248274914_n

c11c22Boa parte das reclamações dos seguidores foi por causa da seguinte frase “eu não quero ter que empurrar suas crianças, mas eu vou”. Esse seria, de acordo com alguns dos pais e mães, um incentivo à violência contra os pequenos.

A fim de neutralizar a questão, a página respondeu a alguns usuários e publicou uma nota de esclarecimento:

“Não iremos empurrar qualquer pessoa no cinema, tampouco incentivamos esse comportamento, e esperamos o mesmo de quem for assistir ao filme nos próximos dias.”

via Catraca Livre

The post Estreia de Procurando Dory no Brasil gera polêmica na internet! appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Confira as primeiras imagens de Tom Holland vestido de Homem-Aranha no set de “Homecoming”

Posted: 29 Jun 2016 07:45 AM PDT

As gravações do filme "Spider-Man: Homecoming" já começaram, e vazaram as primeiras imagens de  Tom Holland, vestido com o Homem-Aranha no set do filme.

Confira as imagens na galeria abaixo:

2ae242113af7f39376ca3bd2d6cdb767 0463931ddbb4e7ad66ff148733cd080f f93c4db94faa2def8f95fd8039e6cbaf b31e5a0a9c5fa8a570ef7abdbaeef055 f54e65b9b0616a1e98893d14f302273a a215f2910a847ef8bd2e1d87c682c2a1 captura_de_tela_2016-06-28_as_181851 a55af7216e5b6da3ea4e65482303e88a c40937031023fdeaf6f54cb41f8fdd69 68a3802e7887390846c8ef6659eaa3ef captura_de_tela_2016-06-28_as_181905 7959d25ef1fc5bae673d933112e93103 aa18741e39340b7117ead37f3d4b602f 277e42c9fa96f67b5365ed6f8c2bf3e3 448ffdcc1849c217b9c03e7bcc997968 881f630311ed85d480154f9fde085440

FASE 4 DA MARVEL PODE TER SIDO DIVULGADA E PODE TRAZER GRANDES SURPRESAS

Grande parte da trama se passará no colégio. Os produtores Kevin Feige e Amy Pascal estão planejando uma série de três a quatro filmes, um para cada ano de Peter Parker no colegial. Como dito anteriormente, a história de origem do herói não será contada novamente.

A chegada do novo Homem-Aranha aos cinemas está marcada para julho de 2017.

spider-man-homecoming

via Omelete

The post Confira as primeiras imagens de Tom Holland vestido de Homem-Aranha no set de "Homecoming" appeared first on Burn Book - Sua fonte de literatura, cinema e entretenimento!.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge